Gestão de fornecedores com PDCA: entenda como funciona

Gestão de fornecedores com PDCA: entenda como funciona

Para garantir eficiência na gestão de fornecedores e otimizar os resultados do setor de compras, é essencial criar processos de melhoria contínua, transformando problemas em oportunidades de crescimento.

Entretanto, as empresas encontram inúmeras dificuldades pelo caminho, relacionadas a questões como a comunicação, o acompanhamento de resultados e o aproveitamento de recursos, entre outros problemas.

Nesse sentido, o PDCA é uma ferramenta de qualidade que vem sendo aplicada pelos gestores dos mais diferentes setores do varejo, incluindo a venda de materiais de construção.

Para ter sucesso nessa tarefa, no entanto, é preciso conhecer e executar bem cada uma das etapas do PDCA, aplicando-as à realidade do negócio e do mercado.

Quer entender melhor esse assunto e simplificar o fluxo de trabalho na sua loja? Então, siga em frente e continue a leitura deste artigo!

Saiba o que é o Ciclo PDCA

O Ciclo PDCA, ou simplesmente PDCA, é uma metodologia de controle de qualidade desenvolvida nos Estados Unidos, também conhecida como Ciclo de Deming ou Ciclo de Shewhart.

Seu nome é a sigla em inglês para os termos que definem cada uma de suas quatro etapas, os quais podem ser traduzidos da seguinte forma:

  • plan (planejar): realização do planejamento estratégico, com identificação dos problemas e definição de objetivos, metodologia de ação e indicadores de desempenho;
  • do (fazer): implementação do plano elaborado de acordo com todos os marcadores determinados;
  • check (verificar): análise dos resultados obtidos com a execução do plano, que já começa juntamente com a etapa anterior;
  • act (agir): se todas as metas do plano são atingidas, ele é adotado como padrão no fluxo de trabalho, caso contrário, são feitas adequações e o ciclo recomeça.

Devido a essa formatação, o PDCA é uma das ferramentas mais utilizadas pelas empresas de varejo para a resolução de problemas, seja qual for o nicho de atuação. Quando um obstáculo é identificado e solucionado, todo o fluxo de trabalho ganha em qualidade.

Sendo assim, esse método pode ser utilizado para otimização da gestão de fornecedores no setor da construção civil, oferecendo excelentes resultados em curto, médio e longo prazo.

Para isso, é preciso criar uma rotina que garanta a melhoria da comunicação, o acompanhamento do desempenho e a simplificação das tarefas, seguindo todas as etapas da metodologia de maneira adequada às demandas do negócio.

É sobre essa questão que falaremos a seguir. Confira!

Conheça as etapas do PDCA aplicadas à gestão de fornecedores

O Ciclo PDCA é totalmente adaptável às necessidades de uma loja de materiais de construção no que diz respeito à parceria com os fornecedores, permitindo o alcance de padrões eficientes no setor de compras.

Todas as etapas dessa metodologia podem ser implementadas de forma a preencher as lacunas mais comuns no relacionamento das empresas com esse público estratégico, conforme você entenderá detalhadamente a partir de agora.

Planejar

Ao realizar o planejamento estratégico, é fundamental identificar todos os problemas na gestão de fornecedores, assim como as demandas da loja em relação à manutenção do estoque, sobretudo para lidar com questões como a sazonalidade do mercado.

A partir de então, deve ser estabelecido o plano de ação, determinando os objetivos a serem alcançados e a forma como isso será feito.

Ao escolher os indicadores de desempenho, é importante definir parâmetros que possam, de fato, avaliar a eficiência dos parceiros nos aspectos analisados.

Fazer

Nesse momento, o plano de ação é colocado em prática, contando com a colaboração efetiva de toda a equipe do negócio envolvida no processo do PDCA.

Como a etapa do monitoramento já começa aqui, a empresa deve manter todos os canais de comunicação em pleno funcionamento, para que as informações sobre a operacionalização do planejamento sejam transmitidas e registradas com eficácia.

Para isso, pode ser necessária a realização de encontros de treinamento e capacitação, para alinhamento das práticas no relacionamento com os fornecedores.

Verificar

A verificação no PDCA acontece concomitantemente à execução do plano de ação, permitindo a identificação de falhas e a proposição de soluções de forma imediata.

Nesse momento, é válido criar rotinas de inspeção no recebimento dos materiais e de acompanhamento dos prazos de entrega, de acordo com os indicadores de desempenho elencados no planejamento.

Quanto mais cuidadosa for essa análise, mais o PDCA poderá contribuir de forma efetiva para a melhoria do fluxo de trabalho no setor de compras.

Agir

A constatação e documentação dos bons resultados conseguidos é a etapa final da ferramenta, que colocará definitivamente a gestão de fornecedores de uma loja de materiais de construção em um patamar mais elevado.

As falhas na aplicação da metodologia, por sua vez, darão origem a um novo processo de planejamento, execução e verificação.

A partir de então, os gestores devem estar atentos ao cumprimento de todas as ações estabelecidas pela padronização, sempre orientando os parceiros no sentido de manter a qualidade dos serviços.

Quando todo esse caminho é percorrido, é possível aproveitar os benefícios do PDCA para a gestão de fornecedores e, consequentemente, para o crescimento do negócio como um todo.

Para saber quais benefícios são esses, acompanhe a última seção do nosso artigo!

Entenda os benefícios do PDCA para a gestão de fornecedores

A primeira vantagem do Ciclo PDCA para a gestão de fornecedores é a confiabilidade que essa ferramenta de qualidade oferece, por se tratar de um processo de análise contínua das práticas administrativas.

Portanto, a aplicação dessa metodologia permite a orientação pontual dos parceiros quanto às normas e expectativas da empresa, de modo a eliminar todos os pontos de atrito que prejudicam o desempenho no mercado.

Por ter o seu estoque sempre bem abastecido, a loja de materiais de construção tem melhores condições para atrair e reter seus clientes, fazendo da gestão de fornecedores um importante diferencial competitivo.

Além disso, o PDCA é um excelente guia para a escolha de parcerias, ditando os requisitos a serem avaliados, tais como a capacidade de preservação das mercadorias e de fornecimento dos produtos dentro do prazo determinado.

Agora que você já sabe como o Ciclo PDCA deve ser aplicado, otimizando os resultados do seu setor de compras, continue o aprendizado e confira outro artigo sobre gestão de fornecedores para esclarecer todas as suas dúvidas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *