Como analisar o mercado e planejar ações que dão resultado

como analisar o mercado

Saber como analisar o mercado é fundamental. Afinal, o funcionamento dele define cada movimento da empresa no jogo de xadrez que é fazer um negócio crescer. E isso vale tanto para grandes quanto pequenos negócios.

É fácil perceber que empresas consagradas no ramo em que atuam começaram a se destacar por fazer uma análise de mercado arrojada em determinado momento. Essa análise, em geral não compartilhada pelos concorrentes, definiu seu crescimento.

No artigo de hoje, vamos explicar como analisar o mercado e utilizar essa análise a favor do seu negócio. Acompanhe!

A importância da análise de mercado

Dividir em partes a complexa estrutura que cerca o seu negócio e compreendê-la fornece informações práticas para tomar decisões.

É fato que o que seus concorrentes fazem é importante, assim como saber quais são as tendências de mercado para os próximos anos. São dados que orientam ações práticas, que podem ajudá-lo a descobrir, por exemplo:

  • se você deve ou não realizar um investimento;
  • se é o momento de cortar despesas;
  • se é interessante reformular o seu modelo de negócio para atender a mudanças externas;
  • se os seus fornecedores dão conta da sua demanda;
  • realizar previsões sobre as vendas;
  • se é necessário reposicionar sua loja no que diz respeito aos produtos e serviços que oferece ou à identidade visual.

Por isso tudo, Incorpore a prática de realizar análises de mercado rotineiras. Elas vão permitir que você tome decisões mais acertadas e racionais.

Como analisar o mercado na prática

Uma análise de mercado pressupõe a resposta a algumas perguntas bem objetivas, que talvez você ainda não tenha respondido. Veja, abaixo, quais são elas.

Quem é o mercado?

“Mercado” é algo que soa um pouco abstrato em conversas de negócios. Praticamente todo mundo diz coisas como “o mercado de construção civil está em baixa” ou “o mercado está mudando, e você tem que se adaptar”. Mas o que está de fato mudando? E o que significa precisamente — de preferência em números — “estar em baixa”?

Bom, o mercado é constituído por 3 tipos de empresas: B2C (aquelas que vendem produtos diretamente para o consumidor final), B2B (as que têm como clientes outras empresas) e B2G (as que vendem produtos ou serviços para o governo).

A sua loja de material de construção pertence à categoria B2C, mas ela se relaciona com todas as outras o tempo todo. As relações de compra e venda de diversos negócios diferentes, com públicos-alvo diferentes e modelos de gestão diversos é o que se chama de “mercado”.

Nessa cadeia, o enfraquecimento de um elo pode significar problemas para todos os outros atores envolvidos, ou mesmo uma oportunidade para alguma delas. Assim, seus fornecedores, as empresas de transporte e iniciativas do governo na área de construção civil, constituem e influenciam no seu mercado.

O que ele comercializa?

É muito comum que um produto muito requisitado se torne obsoleto com o passar dos anos. Quando isso acontece, a procura por ele se torna menor, e quem apostou numa compra grande para fazer estoque perde dinheiro.

Se você analisar o mercado de construção civil regularmente, vai antecipar o surgimento de novas tecnologias e se preparar para mudanças antes dos concorrentes.

Existem diversos motivos para que alguns itens sejam comprados e outros não. Nem sempre, esses motivos são racionais. Por exemplo, enquanto alguns consumidores priorizam o preço e a qualidade, outros são muito suscetíveis a modismos ou ao valor agregado dos produtos.

Quem influencia a compra?

Cada item do seu estoque está condicionado a campanhas publicitárias. Essas campanhas acontecem na televisão, no rádio, em revistas, jornais e, principalmente na internet.

Logo, você deve ter em mente que produtos de difícil aceitação ou compreensão precisam de mais propaganda. Além do mais, muitos fabricantes investem em formas de informar ao público como utilizar melhor aquilo que vendem.

Atualmente, o papel dos influenciadores vem crescendo, principalmente na internet. Assim, muitas pessoas recorrem a personalidades do YouTube para decidirem por uma compra. Tudo isso deve entrar na balança no momento de fazer um pedido ao fornecedor.

Há outras perguntas que podem ser feitas (por exemplo, quando, como e onde o mercado compra etc). No entanto, as que citamos acima são um bom caminho para começar.

Como elaborar um planejamento

De posse dessas informações valiosas, o próximo passo é aplicar todo o conhecimento na prática, isto é, elaborar um documento em que conste o seu planejamento. O início do ano é muito bom para ações como essa, pois, nessa época, é possível analisar os últimos 12 meses e realizar projeções para o ano que se inicia.

Seja como for, a análise de mercado aponta algumas formas — por vezes óbvias, em outros casos, um pouco mais difíceis de enxergar — de intervir na estratégia da sua loja de materiais de construção.

Abaixo, citamos alguns exemplos de atitudes que você pode tomar baseadas em algumas interpretações:

  • comprar mais unidades de um mesmo produto, caso a inflação ou o aumento de uma matéria-prima deem a entender que o preço desse produto vai subir;
  • esperar um pouco para comprar marcas importadas se o dólar ameaçar baixar;
  • realizar investimentos em infraestrutura quando a demanda por determinados itens aumentar muito bruscamente;
  • cortar gastos antes que um período de recessão econômica comece;
  • realizar promoções e livrar seu estoque de um produto que vai cair em desuso em breve;
  • aplicar preços mais altos em itens de fabricantes que investem em boas campanhas publicitárias ou cujos produtos têm muito valor agregado.

Há ainda diversas outras decisões que você pode tomar com base em uma boa análise de mercado.

Essa análise, uma vez pronta, ainda te deixa alerta para sinais que os seus fornecedores ou clientes apresentam, como atrasos ou inadimplência, indícios muito claros de que o mercado vai mal de um lado ou do outro. Esperamos que, com este conteúdo, você tenha aprendido como analisar o mercado e esteja pronto para tomar decisões mais acertadas e racionalizar a sua estratégia de crescimento.

Os conhecimentos adquiridos aqui vão ser muito melhor utilizados no seu negócio se você aprender como realizar uma pesquisa de mercado. Acesse nosso conteúdo sobre o tema e aprenda tudo que deve saber!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *